Usina Nardini

Nardini estrutura Centro de Operações Agrícolas

Nardini estrutura Centro de Operações Agrícolas

Nardini estrutura Centro de Operações Agrícolas

Em busca de melhorias e eficiência operacional dos setores que compõem a área Agrícola, no mês de janeiro, a Nardini deu início à estruturação do COA- Centro de Operações Agrícolas, substituindo o Controle Logístico.
De acordo com o Supervisor de Operações, Daniel Assis, essa ação é estratégica, pois devido aos resultados obtidos pelo trabalho de monitoramento das operações de corte, carregamento e transporte de cana, os demais setores da área Agrícola chegaram a um consenso de que este trabalho agregaria ainda mais qualidade às operações de modo geral. "Acreditamos que o COA é um grande ganho para a
área agrícola", disse.
A partir desta safra, os veículos dos setores de Vinhaça, Preparo de Solo e Plantio receberão um computador de bordo que permitirá aos colaboradores do COA monitorar de forma online, o gasto de combustível, tempo de parada das máquinas, velocidade da operação, qualidade e manutenção preventiva.
"As principais vantagens deste monitoramento é o ganho na produtividade com redução de custos. Desde 2017 o trabalho da área trouxe resultados positivos, por exemplo, o tempo de bate e volta dos caminhões para a usina diminuiu de 14% para 0,2%, com uma frota reduzida, além da diminuição no tempo de descarga e um tempo de eficiência produtiva de 72,94%", afirmou Vitor Cavallini, Líder do
COA.
O setor vai funcionar 24h, para acompanhar o ritmo da safra e inclusive, da entressafra. "Um dos grandes pontos do setor é o contato com o Líder, pois conseguimos antecipar problemas e informar o andamento da produtividade nas frentes de trabalho. Somos responsáveis por emitir indicadores e um
relatório dos monitoramentos e isso ajuda a gestão na tomada de decisões", finalizou Ronaldo Stck, Analista de Logística Agrícola.